ESTUDOS

A IMPORTÂNCIA DO ESTUDO DAS PROFECIAS



A IMPORTÂNCIA DO ESTUDO DAS PROFECIAS


LEITURA RESPONSIVA: II Pedro 1:10-21


VERSO ÁUREO: “Certamente o Senhor Jeová não fará coisa alguma, sem ter revelado o seu segredo aos servos, os profetas.” (Amós 3:7)


INTRODUÇÃO DA LIÇÃO

Por que estudar profecias? Qual é a importância se já creio em Cristo e estou seguro da minha salvação? Primeiramente, permita-se dizer-te que, quem não conhece as profecias bíblicas está, na verdade, em falta diante de Deus. A genuína fé implica em estarmos fundamentados nos ensinos dos profetas sem o que não temos como conhecer e justificar nossa esperança. Em que consiste nosso galardão? Se não sabemos o que esperamos, como anunciar boas novas a outros? Que boas novas?

 ATIVANDO NOSSA MEMÓRIA

1. Que vocês sabem sobre o futuro? Estamos no fim? Quando vocês acham que Jesus pode vir: Hoje ainda, amanhã, enfim, quando? E as datas que vem sendo marcadas pelos homens: 1884,1975, 1977, 1992?

2. Vocês conhecem a Bíblia? Como entender Mateus 16 : 28?


RESPONDA AS SEGUINTES PERGUNTAS:

1. Qual é a importância dos estudos das profecias em nossa trajetória religiosa?

Comentário.- O principal objetivo do conhecimento das profecias é que, sem este, não temos segurança e nossa esperança quanto ao futuro perde o significado. O apóstolo Pedro disse que as profecias são como uma luz que alumia lugares escuros, ou seja, que nos esclarecem o desconhecido (II Pedro 1:19).

"E temos, mui firme, a palavra dos profetas, à qual bem fazeis em estar atentos, como a uma luz que alumia em lugar escuro, até que o dia amanheça, e a estrela da alva apareça em vossos corações."


2. É da vontade de Deus que Seu povo conheça a mensagem profética? Qual é um dos fundamentos básicos do alicerce da verdadeira Igreja?

Comentário.- Sim, Deus sempre mostrou antecipadamente aos profetas as coisas porvir e não quer que estejamos em trevas, ignorantes e desorientados. O que revelou é para conhecimento de Seu povo (Amós 3:7; Deut. 29:29, I Tess. 5:4-6).

3. É possível se ter um conhecimento pleno da verdade bíblica se ignorarmos as profecias ou delas tivermos um falso conceito? Que representam os Salmos?

Comentário.- Não, Se não houver um conhecimento real e correto das profecias, o cristão não terá como entender as Escrituras e não poderá estar seguro, inclusive, de sua salvação, pois poderá estar crendo e esperando e transmitindo aos outros, coisas que não ocorrerão. Ao citar os salmos aos apóstolos (Lucas 24:44) Jesus nos provou que estes não eram tão somente poéticos, mas, inclusive, proféticos. Muitos deles falam de uma época em que Deus governará os povos e que todas as nações lhe serão submissas. Igualmente falam respeito ao juízo de Deus e o destino dos justos e ímpios. É evidente que estas coisas nunca aconteceram, todavia haverão de se cumprir no futuro, (Ver Salmos 46; 47; 52:5; 67, etc....).

4. Podem todos os que estão envolvidos com a Palavra de Deus, as Escrituras, alcançarem o pleno conhecimento da verdade?

Comentário.- Infelizmente não. As grandes verdades bíblicas são privilégio dos sinceros e dos fiéis, pois estes realmente amam ao Senhor (Prov. 2:6,7; Mat. 11:25; 13:11-15 0. Os que apenas são religiosos por ser, não recebem o esclarecimento do Espirito Santo.


5. Podemos confiar nas profecias bíblicas? Como ter certeza de seu comprimento? Muitos pregam coisas que não acontecem.

Comentário.- Na verdade existem nos nossos dias muitas interpretações que se valem de textos dos profetas e que não se cumprem. Acontece é que, certas correntes religiosas já traçam sua própria escatologia e ai ficam buscando, como suporte, subsídios nas Escrituras. Quando estudamos a Palavra, devemos nos despojar de nossas opiniões e buscar a direção divina para entende-la. Querer ajustar a Palavra de Deus ao pensamento humano é um grande erro. Deus revela o fim, desde o princípio (Isaías 46:10). Podemos e devemos esperar com segurança, o cumprimento das profecias bíblicas e nossa fé se baseia em experiências já comprovadas: